segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Ele parte 4869846198359

we are young.
Há muita coisa para escrever aqui sobre ele, muita coisa que até já está em rascunhos mas, para já não me sinto preparada para publicar nada porque nada faz sentido e porque o que eu mais quero neste momento é esquece-lo de vez e aplicar-me na faculdade... Se calhar eu é que não faço sentido, se calhar eu devia era desabafar mas acho que para já basta dizer que onetm estive com ele ( não só com ele) pela primeira vez desde que foi para fora do país e ainda éramos namorados e a palavra que descreve o reencontro é: estranho. Estranho e certeza, porque se alguma coisa de bom veio de o ver outra vez foi ter a certeza de que a nossa relação já tinha morrido há muito tempo e que apenas subsistia com poucos recursos. Ao menos isso, dúvidas já não há e arrependimentos também não.

5 comentários: